sexta-feira, 2 de abril de 2010

Produtos para os cachos

Finalizador é tudo!

Dar mais definição e peso aos cachos, reduzir o volume, controlar o arrepiado, tirar o efeito ressecado das pontas... São muitas as soluções que os finalizadores podem promover nos crespos, mas é preciso saber como usá-los de maneira adequada. Segundo o cabeleireiro Ricardo Cassolari, do salão L\\'Autre Femme, em São Paulo, o leave-in deve ser aplicado sempre e nunca diretamente na raiz. "Com as mãos, aplicar primeiro o produto nas pontas e depois espalhar por todo o comprimento", ensina. Conheça cada tipo de modelador e suas finalidades:

Creme para pentear
Como diz o nome, ajuda no desembaraçamento, suavizando o atrito do pente ou da escova contra as mechas. Com isso, diminui o risco dos fios quebrarem no penteado. "Deve ser usado em pouca quantidade para ajudar a modelar os cachos e ondas", recomenda Ricardo Cassolari.

Ativador de cachos
Ajuda a manter os caracóis mais definidos, sem dar aspecto molhado. Uma vez em contato com os fios, o produto seca e dá brilho instantâneo. "Além de reduzir o volume, consegue tirar o efeito armado", explica Cassolari. Mais indicado para cabelos sem química, pode ser usado diariamente. Por isso, é importante que a fórmula contenha filtros UVA e UVB, que protegem contra as agressões do sol.

Umidificador de cachos
Como já diz o nome, tem a função de devolver a umidade aos fios cacheados e funciona muito bem para dar forma ao acordar, quando não há tempo de lavar. Além de modelar, reduz o volume e define os cachos. Geralmente à base de gel, hidrata sem deixar o cabelo pesado.

Defrisante
Sua principal função é deixar o cabelo maleável para facilitar o brushing. Com fórmula termoativada, protege do calor da chapinha, do secador e do babyliss. Outra propriedade do produto é prolongar o efeito liso, por meio de agentes que impedem a entrada de umidade do ambiente externo nos fios.

Gel
Ideal para conseguir um controle máximo. Maria Ângela Veríssimo não recomenda as fórmulas à base de álcool, pois a substância tende a ressecar os mais crespos. Deve ser aplicado sempre nos fios úmidos.

Mousse
De acordo com a fórmula, pode ter mais ou menos fixação. Segundo Sarah Sales, ele ajuda a dar fixação e sustentação. Se o cabelo estiver muito ressecado, Ricardo Cassolari ensina um truque: "Costumo misturar em partes iguais musse e silicone, para dar um bom grau de fixação, controlar o volume e promover um brilho intenso."

Pomada
A pomada tem textura compacta, boa para texturizar longos e curtos. "Também reduz o efeito eriçado", avisa Sarah. Pode, ainda, ser usada após a musse para dar brilho.

Reparador de pontas
Também chamado de silicone, envolve o fio em uma película, que o impermeabiliza. Além disso, sela as pontas duplas até a próxima lavagem e protege da umidade e de outras agressões externas. Deve ser aplicado em uma quantidade mínima e somente nas pontas para não deixar um aspecto pesado nos fios.


Fonte: UOL

4 comentários:

Giovanna Alves disse...

Legal! Fico tão feliz quando descubro um produto ideal pro meu cabelo... Eles podem fazer milagres! =)

Bells disse...

Aaaah! Que penteado lindo! Eu quero aprender a fazer D:

Anônimo disse...

Dai querida, para as adeptas do low existe algum substituto para o reparador de pontas? abraços

Dai, RS - Brasil disse...

Difícil essa... mas já vi meninas usando óleo (gotinhas é claro), parece que manteigas tb ficam otimas (cacau, karité etc) mas só nas pontinhas mesmo.
Como é ponta acredito q um creme q contenha alguns silicones (nada de parafina ou oleo mineral) não seja uma má idéia, mas é preciso ver se não é o caso de cortar.
Tb recomendo gel ou mousse, meu cabelo fica intacto da raiz as pontas com esses 2 produtos.

Encaracoladas!

:D